Um estudante de direito que também é programador

bg_triangulo_ERcia7vImagem

Dedicado e projetista, um visionário futurista. É assim que Breno Martins, de 18 anos, se descreve. Dono da Oceanhost, a maior empresa da região norte de hospedagem de sites, venda de streaming de áudio e desenvolvimento web, Breno ainda divide seu tempo com a faculdade de direito e com transmissões regulares de conteúdo através do Livecoding.tv.

Breno fundou a sua primeira empresa de hospedagem em 2011, a SuporTI que, posteriormente, se tornou a WebConnect e, depois, mudou o nome para Oceanhost, um nome mais limpo, de fácil dicção. A inspiração veio do conceito “gama” oceano e de “host”, hospedar em inglês. Desse modo, juntando ambos, na visão da empresa, fica Gama de hospedagem ou, mais tradicional, oceano de hospedagem. Segundo Breno, “isso indica que somos bons e temos serviços de hospedagem com qualidade e que variam de acordo com a necessidade de cada cliente”.

Breno, que vive em Manaus, capital do Amazonas, é programador há 6 anos, mas escolheu cursar faculdade de direito. Ele começará o segundo ano de faculdade em agosto. Mesmo com tão pouco tempo disponível, ele não pensa em trancar a matrícula ou em se dedicar menos tempo à sua empresa. Ele quer dar o melhor de si nas duas atribuições. Breno afirma que um programador que se preze deve criar uma tabela de horários. Nada de uma carga horária de 20 horas por dia, pois o programador não é um robô. Robô é o que interpreta o código e não quem cria. Breno cria e programa por até 8 horas por dia. O resto do seu tempo ele usa para as coisas pessoais. “É sempre bom ir a algum lugar diferente, pegar um cinema para descontrair e tirar o estresse que um código traz”.

Foi aos 12 que Breno teve o seu primeiro contato com programação. Ele lembra que, no início, teve muita dificuldade com a linguagem PHP. Entretanto, ele percebeu que é isso mesmo o que ele queria e prosseguiu nos estudos.

Através do Livecoding.tv, Breno transmite, ao vivo, seu trabalho de  desenvolvimento de sites. Para ele, o Livecoding.tv é uma ideia inovadora, pois não há outro meio de visualizar programadores ativos e programando ao vivo. Este é um atributo que só se encontra no LCTV. Breno ainda complementa que essa ferramenta é fantástica a ponto de estimular pessoas a criarem e compartilharem ideias e sempre ajudar o próximo. Ele se considera uma dessas pessoas que gostam de compartilhar e ser ajudado em relação.

Breno ainda se lembra de que sua primeira transmissão ao vivo atraiu um bom número de espectadores. Na terceira transmissão, ele já tinha uma audiência de 60 pessoas. Era um desenvolvimento de site em HTML/CSS. A transmissão fez tanto sucesso que ela foi apresentada na home page do Livecoding.tv.

Livecoding.tv é, para Breno, fundamental para o aprendizado de programação e código. Acompanhar as transmissões ao vivo acelera o aprendizado em 100% — ele afirma. Outros pontos positivos do Livecoding.tv levantados é que o site em si já treina você a falar inglês e o fato de sempre poder contar com outros usuários quando tem alguma dúvida. Breno considera sensacional interagir com os streamers estrangeiros.

Sobre o mercado de trabalho, Breno diz que a profissão de codificar nunca vai ter uma época ruim, pois várias pessoas precisam de uma solução autônoma, rápida e simples. É possível inovar. Pode-se ser diferente no seu código, no seu modo de pensar e na maneira de resolver um problema através de um código.

Breno finaliza a entrevista reiterando que, para se tornar um bom programador, basta ser humilde. “Nunca pense que o seu código é o melhor de todos, o mais seguro, e, principalmente, nunca pense que você sempre está certo. Uma coisa boa e essencial, é ouvir o feedback de programadores que atuam na área, que testaram o seu programa, e do usuário final, o que pode ser melhorado. Um bom programador é isso, ser humilde e ouvir qualquer conselho em relação ao seu código”.

 

Read previous post:
c3
Let’s Stop Stream Notification Spamming

When we first launched notifications on Livecoding.tv not long ago, our goal was to make it easier for viewers to...

Close